Dicas para lidar com estado de emergência - coronavirus

Atualizado: Set 19



Temos recebido vários pedidos para ajuda e de dicas de ajuda para a situação que o mundo atravessa. E nós vamos responder a esses pedidos. Resumimos esta ajuda, ressaltando alguns factos importantes:


Precisamos da ajuda de todos!

Quando dizemos todos, sabemos que esta mensagem não vai chegar ao mundo todo, mas façam-na chegar a todos os que conseguirem, quanto mais “energia” melhor.


Siga as dicas seguintes mesmo que não acredite…

No fundo todos nós temos dentro de nós alguma crença. Mesmo quem afirma que não tem, siga as dicas, o que tem a perder? Para estar no pânico e medo ou insegurança, mais vale estar confortável com a situação e com positivismo. Se não acredita que melhora a situação, acredite que melhora o seu estado de bem-estar!


Aceite a situação e que não existem milagres!

Espiritualistas defendem que é karma do passado ou um varrimento de almas que não estão preparadas para a fase da luz… Nós aqui desprendemos todas essas crenças e outras. As nossas dicas são para todos. É livre de acreditar em qualquer crença, mas pedimos que por momento se desapegue dela. Não conhecemos o plano de “deus/universo” ou o funcionamento das leis universais para dizer que é isto ou aquilo. Na verdade, não é o que importa neste momento! O que importa é o presente! Não importa se fizemos algo mau no passado ou o que vai vir no futuro. Importa parar agora e resolver! Não peça por um milagre, os milagres que acontecem, acontecem pela nossa vontade e pelo nosso foco. Nós criamos os milagres. Por isso aceite o que está a acontecer, mesmo que não tenha um motivo para isso. A vida é feita de altos e baixos. Temos a saúde e a doença, a vida e a morte, o velho yin e yang. É o equilíbrio e temos de aceitá-lo. Como aceito uma coisa destas, algo tão mau?! Veja os próximo factos.


Dica de ouro: Olhe para dentro!

Como saberíamos que é a saúde, se não existisse a doença? Como saberíamos o que é o perdão, se não existisse a mágoa? O ser humano é um ser complexo, não sabemos porquê, e mais uma vez, não nos interessa, porque não cabe no nosso entendimento. Vamos passar ao que cabe no nosso entendimento. O ser humano é complexo porque só na sombra reconhece a luz. Se há um motivo para esta “sombra” cobrir a luz do mundo, é porque precisamos de aprender a reconhecer a luz. Os espiritualistas falam numa “era da luz”, em que se alcançará paz e harmonia. Acreditamos que essa era, um pouco distante, caminhará para nós ao ritmo que nós quisermos. Já vieram ter connosco algumas pessoas a pedirem, como trabalhamos energia, que ajudássemos, ao que nós respondemos: “nós ajudamos, mas não depende apenas de mim, depende de nós!”

Esta é uma fase de sombra, e em que o nosso lado sombra também se manifesta, em que agimos por medo e insegurança. Vamos fazer um exercício. Faça connosco. Durante o exercício não se julgue ou critique, compreenda o que sente e simplesmente analise e perceba como pode mudar certos padrões. Nós já mudámos muitas atitudes e pensamentos ao longo da nossa jornada espiritual, mas não criticamos o nosso passado e a ausência de consciência anterior, pois fez com que crescêssemos e fez de nós o que somos hoje. Não se culpe!

Não queremos mudar os seus hábitos, crenças ou rotinas, queremos fazer de si apenas alguém com mais compaixão, que pode manifestar à sua maneira. Respire fundo! E pergunte a si mesmo se se ama verdadeiramente, sem limitações, aceita cada parte do seu corpo, não se culpa de nada, nada, nada, e se se sente confortável com os seus erros? Reflita, uma e outra e outra vez! Pergunte agora se ama os outros, os seus familiares? Claro que sim! Mas e um estranho? Não tanto… O que é normal no ser humano… Até que ponto perdoaria tudo, tudo, tudo, de todas as pessoas? Até que ponto lida com a diferença…com o facto dos seus familiares, amigos e estranhos, pensarem de forma diferente, agirem de forma diferente? Aceita tudo, tudo, tudo? Voltando a si, ocupa-se de si? Tem tempo para estar consigo, fazer o que gosta? Não tem vícios para se manter saudável? Não se alimenta em escassez, demasia ou de forma não regrada? Pratica exercício físico regular? Mantem o stress e ansiedade o mais longe possível? Reflita 3x. Se respondeu a todas as questões de forma positiva, parabéns! Se não, há muito a trabalhar. Voltando aos outros…até que ponto é tolerante? Quantas vezes num mês eleva o tom de voz com alguém? Prejudicando a sua harmonia interna e não levando a lado nenhum? Quantas vezes na sua vida sentiu raiva de uma atitude? Quantas vezes foi egoísta e só pensou em si? Ninguém está a ouvir, seja verdadeiro consigo, não severo, admita, não julgue, reveja os momentos e simplesmente pense em melhorar esse comportamento. O quanto é grato por aquilo que tem? Quantas vezes pede, e pede e pede? Qual a percentagem de ambição vs gratidão? Sinceramente, dê-me um número, 60% 20%, nem pense! Reflita bem…. Lá no fundo…. 80% 20% nada mau, mas para ser realista, a média é de 95% ambição vs 5% gratidão. Vamos inverter isto? Vamos inverter isto com a vida, com a exigência própria e com a dos outros. Estamos quase a terminar o exercício. Vamos ao planeta! Nós somos vegan, mas não vamos por ai… Vamos começar das regras mais simples! Vamos tornar o exercício mais pratico, durante 5 minutos, procure por coisas de plástico na sua casa, que poderia evitar ter, tipo pacotes de bolacha (faça as suas, se não conseguir compre numa pasteleira ou em papel), salada em pacote, garrafões de detergente (faça o seu, que sai bem mais barato ou procure lojas de venda a avulso), gadgets que já nem usa, etc… e anote quantos foram e pense o quanto podia poupar o planeta. Ups, já estamos a interferir muito nos hábitos e rotinas. Mas são pequenos exemplos que fazem a diferença. Para não interferirmos vamos dar por terminado o exercício, pedimos que o realize vezes e vezes sem conta, para olhar para dentro de si, até perceber até onde pode mudar.

Nos, na Jami, consideramos que temos uma consciência maior por breves momentos, mas ao refletir, voltamos sempre a ver que o caminho a percorrer é longo, e rapidamente esse sentimento se desvanece, dando lugar a uma sensação de nova aventura e busca pela descoberta, com um sentimento de: “qual o próximo desafio?”

Como vos disse, não nos interessa saber porque é que o vírus está aqui e porquê desta forma, mas podemos supor, para facilitar o nosso entendimento. É por isso que surgem as “teorias”. Então vamos fazer um outro exercício, criar uma teoria!

O vírus não é muito letal, portanto o objetivo não deve ser “varrer almas”, para isso que venha um tsunami. Mas uma coisa é certa, está a colocar meio mundo e mais uma parte fechada em casa! Hum… então e se o vírus viesse para nos fazer pensar acerca das nossas atitudes? Estamos em casa, sem “nada” para fazer (sabemos que alguns estão a trabalhar, agradecemos essencialmente aos profissionais de saúde e a todos os que mantem a ordem e o nosso estado de saúde), por isso vamos refletir sobre o que andamos a fazer neste mundo! Que tal? Outra observação: não podemos sair para ir ao centro comercial! Pois é, talvez, isto na nossa teoria, deus tenha dito: “vocês preocupam-se só em ter, ter, ter, comprar, comprar, comprar, e o ser?”, e eis esta situação. É apenas uma teoria, e uma metáfora! Estamos a supor! O que é certo é que precisamos de um mundo de compaixão, de harmonia e paz! Não só nesta altura, sempre! E se o vírus veio, se temos tempo de refletir, estar unidos e abrandar, vamos fazê-lo. A compaixão só se consegue de uma forma, vindo de dentro, de mim, de ti, de nós! O nosso lema é: trata o outro como gostarias que ele te tratasse, trate ele ou não! É difícil realiza-lo devido ao ego, mas só este lema traz, aos poucos a compaixão ao mundo. Se eu faço, tu fazes, ele faz, e daqui a muito em breve, todos fazemos! Lembrem-se que a bondade é contagiante.

Neste momento o mundo precisa de união, respeito e responsabilidade para ultrapassar a situação. Respeitemos as regras, não sejamos egoístas, vamos manter a calma, pensar no nosso bem-estar e no bem-estar do outro. Olhe para dentro!


Ultimo facto: “o universo dança”

O universo é composto por átomos vibrantes, que vibram e dançam! Eles invadem galáxias, estão nas estrelas, planetas, no nosso corpo e em tudo à nossa volta. Cada vez mais sabemos que o nosso pensamento é energia, porque gera ondas elétricas no nosso cérebro. E quem nos diz que não navega fora dele?! Orar é um dos atos de fé mais antigos e que é transversal praticamente todas as religiões. O nosso pensamento é capaz de maravilhas e de mover meio mundo. Utilize-o! Na Jami acreditamos que todos temos a capacidade de mover energia e movimentar átomos ao nosso redor e em todo o universo, com coisas simples. Siga a sua crença e realize os exercícios seguintes, ou adapte-os à sua maneira, mal não vai fazer! Realize pelo menos os dois primeiros exercícios. Não é um milagre, ritual ou “macumba”, nem um simples ato de fé, é um pensamento!


Exercícios e dicas

Exercício I

Leia e releia o facto “olhe para dentro”


Exercício II

Aceite a situação, não entre em pânico, relaxe, respire, medite se ajudar! Siga as normas de higiene e prevenção. Se não está contagiado, mantenha a quarentena e os devidos cuidados, realizando uma rotina diária sem preocupações, afinal de contas nada lhe aconteceu ainda. Se tem suspeita de contágio, respire, relaxe, pois nada está confirmado. Se foi contagiado, respire e relaxe! Mantenha os cuidados para evitar a transmissão e foque-se em ficar bem, pois o pensamento negativo não atrai nada de bom e vai fazer com que os seus dias pareçam mais longos e um inferno. O universo tem tudo controlado. Costumamos dizer que “cada um tem o que precisa, não o que merece”. Por exemplo, as experiências negativas, elas são necessárias a algo, mesmo que não saibamos agora ou nunca cheguemos a saber. Mesmo que não acredite nas últimas palavras, esteja ou não contagiado, pense comigo? É melhor estar em pânico e não aproveitar cada segundo da vida, ou estar em pânico, a vida ser e parecer um inferno e fazer dele ainda pior? Bem me parecia!


Exercício III

Dedique pelo menos 30 minutos do seu dia a enviar energia positiva ao mundo! Se é reikiano ou terapeuta alterativo faça a terapia que considerar adequada. Se crê em deus, anjos ou santos, ore! Se não crê em nada… simplesmente foque o seu pensamento, escreva ou fique em silêncio. Pode utilizar uma técnica de visualização, visualizando todo o mundo a ficar curado e em paz, ou deixe que os pensamentos se desvaneçam, sentindo paz e enviando essa paz ao mundo.


Dicas:

Para os crentes no “cristalismo” :P podem usar uma pedra da lua e uma aventurina sob a forma de elixir para fortalecer o vosso sistema imunitário (Utilizem cristais rolados. Lavem bem com detergente, e deixem em água da torneira ou fonte natural durante 2h, de preferência numa taça de vidro, para limpeza energética. Coloquem uma noite à lua, qualquer lua. E coloquem no vosso garrafão de àgua. Bebam diariamente durante 3 semanas! Mal não faz)


Durante o exercicio III tenham por perto uma cianite preta, uma labradorite e/ou um cristal da vossa preferência. Programem em conjunto os cristais, podem utilizar a meditação de programação da nossa escola online. Coloquem a inteção numa folha A4 com os cristais por cima e realizem o exercício perto da folha diaramente.


Agradecemos imenso!

178 visualizações

jaMi

dfd.gif

Ajuda

contactoS

Neste momento devido ao elevado numero de contactos não dispomos de contactos via telefónica.  

 

E-mail: apoio@jami.pt

Tempo médio de resposta 12h-48h uteis

Horario de atendimento (resposta): terça a sexta-feira das 11:00 ás 13:00 e das 16:00 ás 19:00h.

  • Grey Instagram Ícone
  • Grey Facebook Ícone
Subscreve a nossa newsletter

Jami® | Todos os direitos reservados

encOntra-nos

RUA FILIPE ALISTÃO 51 8000-343 FARO

A LOJA ENCERRA ENTRE 14 A 21 DE SETEMBRO

TERÇA A SEXTA

11:00-13:00 

16:00-19:00

SÁBADO

10:00 - 13:00

FERIADOS

Encerrado